Notícias de Caçador e Região

VÍDEOS: Ruas de São João Batista viram rio tenebroso, bois se afogam e imagens chocam

As fortes chuvas atingem nesta quinta-feira (1º) cerca de 10 mil pessoas em São João Batista, na Grande Florianópolis – dentre desalojados, desabrigados e ilhados, de acordo com Fernanda Brasil Duarte, coordenadora da Defesa Civil de São João Batista. Até o início da tarde desta quinta, não foram registradas mortes.

Segundo a prefeitura de São João Batista, esta é uma das piores enchentes da história. Imagens mostram a cidade embaixo da água: as ruas estão inundadas e se confundem com rios. Bois são carregados pela correnteza. Em um dos vídeos é possível perceber um gado morto.

Medição da Epagri/Ciram realizada por volta das 14h desta quinta-feira (1º) mostra que o rio Tijucas, que corta o município, está a 9 metros – altura considera de emergência.

Emergência e abrigos

A prefeitura de São João Batista decretou situação de emergência nas áreas do município afetadas por inundações. Representantes da Defesa Civil de Santa Catarina estão no município e uma sala de situação para gerenciamento de ações emergenciais está sendo montada na Prefeitura Municipal – o município conta com cerca de 40 mil habitantes.

Cerca de sete abrigos estavam em funcionamento durante a manhã: nos bairros Carmelo, Centro, Cardoso e Timbezinho.

Todas as unidades de saúde do município foram fechadas. A prefeitura recomenda aos munícipes que procurem o hospital.

Também decretaram emergência os municípios de Araquari, Joinville, São Bento do Sul, Luiz Alves, Corupá , Guaramirim, Rio dos Cedros, Campo Alegre, Santo Amaro da Imperatriz, Benedito Novo, Palhoça, Rancho Queimado, São José, Águas Mornas, Antônio Carlos, Armazém e Anitápolis.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.