Notícias de Caçador e Região

Vídeo mostra atividades dos CRAS de Caçador em 2015

Levar mais cidadania e inclusão social para quem mais precisa. Este é um dos objetivos dos CRAS (Centros de Referência de Assistência Social de Caçador). Funcionando em dois endereços, tanto no Gioppo, com a unidade Norte, quanto no Martello, os CRAS são parte integrante da Secretaria Municipal de Assistência Social, mantidos com recursos federais, estaduais e da Prefeitura de Caçador.

Dentro dos serviços de atendimento e acompanhamento dos CRAS está o de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.

Cada uma das situações de fragilidade enfrentadas pelos cidadãos deve receber atenção diferenciada, de acordo com as necessidades de cada um. Além disso, as potencialidades das famílias devem ser o ponto de partida para a organização dos serviços de proteção básica de assistência social, que estimulam a participação.

Todos os serviços de convivência e fortalecimento de vínculos são necessários para prevenir a institucionalização e a segregação de crianças, adolescentes, jovens, idosos e mulheres e assim oportunizar o acesso às informações sobre direitos e participação cidadã.

Atualmente, os CRAS contam com 22 grupos de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, sendo 12 no CRAS Martello e 10 no CRAS Norte, atendendo 345 usuários registrados no Sistema de Informação do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.

As atividades Socioeducativas são classificadas por faixa etária:

– de 0 a 6 anos,

– 7 a 12 anos,

– 13 a 17 anos,

– 18 a 59 anos, com o grupo de mulheres,

E idosos acima de 60 anos.

Os usuários destes serviços contam também com oficinas de libras e capoeira.

Ainda, dentro dos CRAS, está o serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família, o PAIF.

Trata-se do trabalho social com famílias, de caráter continuado, com a finalidade de fortalecer a função protetiva das famílias, prevenir a ruptura dos seus vínculos, promover seu acesso e usufruto de direitos e contribuir na melhoria de sua qualidade de vida.

O PAIF prevê o desenvolvimento de potencialidades e aquisições das famílias e o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, por meio de ações de caráter preventivo, protetivo e proativo.

Em Caçador, são cinco mil famílias referenciadas pelo PAIF em cada CRAS.

Elas recebem acolhida, orientação, encaminhamentos, acompanhamentos, acesso à documentação civil e acesso a benefícios eventuais.

E foram muitas as atividades realizadas em 2015:

Atividades socioeducativas, como por exemplo, viagem para Treze Tílias; visitas a comunidades do interior, rádio Caçanjurê, horto florestal; palestras e participação em eventos, tardes festivas, datas comemorativas, encontros familiares.

Os grupos de idosos tiveram ainda uma noite diferente no boliche, em Caçador. Além do jogo de boliche, eles tiveram um jantar especial. A alegria ficou estampada em cada um dos participantes.

Para encerrar o ano de 2015, será realizado ainda um jantar para os usuários dos CRAS e seus familiares.

Todas essas atividades são realizadas com o objetivo de fortalecer vínculos familiares e comunitários.

CRAS Martello e Norte: trabalho pensando no bem-estar e no aumento da autoestima da nossa população.

Veja Também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.