Notícias de Caçador e Região

Vereador cobra mais segurança no Parque Central

O vereador Johny Marcos Tibes de Souza (MDB) voltou a cobrar no plenário da Câmara maior efetividade do Poder Executivo quanto à segurança no Parque Central. Ele lembrou que no dia 12 de julho apresentou indicação solicitando a presença constante de pelo menos um agente da Guarda Municipal no local, mas que até a presente data não obteve resposta da Administração Municipal.

A cobrança foi reforçada após a prisão de um homem por importunação sexual a duas adolescentes nas dependências do Parque Central há alguns dias. “Apesar de a ocorrência ter sido atendida pela Guarda Municipal, é nítido que em muitos momentos não há presença de agente no Parque, o que gera um grau de insegurança às pessoas que diariamente ocupam o espaço para a prática de exercícios físicos ou lazer”, justifica.

Johny destaca que a preocupação com a segurança das pessoas é constante. Ele lembra que recentemente também apresentou para melhorias na iluminação pública do Parque Central, especialmente nas proximidades do Rio do Peixe, o que já foi atendido pela Administração com a colocação de luz de led.

“O Parque Central é o coração da cidade, recebe centenas de pessoas diariamente e precisa de uma atenção especial quanto à segurança. O que nos preocupa é que se ali, uma área central da cidade, não há uma segurança adequada, imagine nas praças dos bairros, nas escolas e no Parque Linear que está em construção e chega a algumas extremidades da cidade”, questiona.

Ele destaca ainda que as indicações apresentadas pelos vereadores representam as necessidades da população e por isso devem receber melhor atenção do Executivo. “No caso envolvendo a prisão no Parque Central por exemplo, algo pior poderia ter acontecido. Então, é preciso que as nossas indicações sejam levadas a sério, pois o pedido não é para o vereador, é para a comunidade”, afirma, destacando ainda que no pedido para a presença da Guarda Municipal ainda foi sugerida a disponibilização de um profissional da saúde para atender as crianças e demais pessoas nos brinquedos infantis e nas áreas de jogos em eventuais acidentes.

 

 

 

Veja Também

Comentários estão fechados.