Notícias de Caçador e Região

Uniarp fará monitoramento mensal da qualidade da água do Rio do Peixe

17

 

A Universidade Alto Vale do Rio do Peixe (Uniarp) inicia neste mês de março o monitoramento inédito e integrado da qualidade da água do Rio do Peixe. O trabalho acontece através de análises químicas, físicas e biológicas, buscando apresentar para a comunidade acadêmica e população envolvida no projeto, o cenário atual no Rio do Peixe.

O primeiro resultado da qualidade da água do Rio do Peixe será divulgado no dia 25 de março, através de um mapa interativo no site da Uniarp. Nos próximos meses os valores serão divulgados na segunda semana de cada mês neste link: Resultados. O trabalho será desenvolvido pelo professor Roger Francisco Ferreira de Campos do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária da Uniarp com um caráter contínuo no desenvolver dos anos.

De acordo com Roger, o trabalho busca através de diferentes parâmetros estabelecer um Índice de Qualidade da Água (IQANFS), apresentando se o ponto amostrado apresenta uma qualidade classificada em péssima, ruim, regular, boa ou ótima. Ele explica que o estudo do monitoramento da qualidade da água do Rio do Peixe será realizado em 10 pontos amostrais, sendo cinco pontos amostrais durante o percurso do Rio na área urbana do município (que estão relacionados com a interação antropogênica da área urbana). Também foram selecionados dois pontos à jusante e um ponto amostral à montante do município, como também dois pontos nos seus afluentes: Rio Caçador e Rio Castelhano, que possuem interação com o percurso analisado.

O trabalho será desenvolvido em parceria com o Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) e empresas privadas do município de Caçador, buscando através desse monitoramento analisar e desenvolver medidas para melhor a qualidade ambiental do Rio do Peixe. O estudo possui similaridade com a análise de balneabilidade, no entanto, o estudo em questão está relacionado com a potabilidade da água.

 

 

Veja Também
Comentários
Loading...