Notícias de Caçador e Região

Três pessoas são detidas por matar cavalo para fazer salame em cidade de SC

 

Uma crueldade sem tamanho. Três pessoas foram presas em São Francisco do Sul, no Litoral Norte de Santa Catarina, por sacrificar um cavalo na Estrada Geral da Gamboa, no Ervino. E, pasmem, a intenção era usar a carne do animal para fazer salame, inclusive, para venda.

Segundo o relato da ocorrência que chocou a região, na noite da última sexta-feira (11), a equipe do Grupo de Operações e Resgate (GOR) foi acionada pela Polícia Militar para prestar apoio em uma apreensão, na Estrada Geral da Gamboa, no Bairro Ervino. No local, a PM flagrou três pessoas que haviam abatido um cavalo para obter a carne para consumo.

A Polícia Militar encontrou o animal já sem vida no meio do pasto e junto às facas utilizadas no crime. Também foram encontrados outros três animais vivos, sendo um cavalo e dois bezerros que provavelmente também iriam ser abatidos e que foram resgatados.

“Lamentável esse crime”, frisou o comandante do 27º Batalhão de Polícia Militar de São Francisco do Sul, tenente-coronel Jailton Franzoni de Abreu.

As três pessoas foram detidas, responderam a Termos Circunstanciados pelo crime de maus-tratos, e foram liberados. Isto porque o crime é de menor potencial ofensivo. A pessoa assina e se compromete ir ao Fórum na data da audiência. E o três, portanto, acabaram liberados.

Os animais foram recolhidos e posteriormente serão encaminhados para adoção.

O caso foi encaminhado para a comarca de Joinville, informou o delegado de São Francisco do Sul, Rodrigo Vicentini.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.