Notícias de Caçador e Região

TRE notifica Moisés em ação que pede sua inelegibilidade; ação foi movida pela coligação liderada por Décio Lima

O governador Carlos Moisés da Silva, candidato à reeleição pelo Republicanos, foi notificado nesta segunda-feira sobre Ação de Investigação Judicial Eleitoral que solicita sua inelegibilidade e cassação do diploma. A Ação é de autoria da Frente Democrática, que tem como candidato ao governo, Décio Lima, do PT. O motivo a ser investigado é possível abuso de poder político e de autoridade.

A Frente Democrática sustenta que o atual governador fez uso da propaganda institucional como “extensão”da propaganda política, com o uso de frase e cores semelhantes.

“Nós levamos ao conhecimento do TRE uma Ação de Investigação por possível abuso de poder político em razão da continuidade da publicidade institucional agora por meio da campanha do candidato Moisés.”, explica a advogada Evelyn Scapin, autora da Ação.

O candidato ao Governo, Carlos Moisés e o vice, Udo Döhler, do MDB, têm cinco dias para apresentação de sua defesa a partir da notificação. Depois disso, o processo passa à manifestação do Ministério Público Eleitoral e depois ao julgamento do Tribunal Regional Eleitoral.

Caso Moisés seja reeleito e a Ação ainda não tenha sido julgada, será transformada em AIME, Ação de Impugnação de Mandato Eletivo.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.