Notícias de Caçador e Região

Suspeito de violência doméstica cai de telhado e leva 15 pontos após fugir de polícia

Um homem de 29 anos suspeito de violência doméstica caiu de um telhado ao tentar fugir da Polícia Militar em Itajaí , no Litoral Norte catarinense, na tarde de quinta-feira (8).

Segundo a PM, ele foi conduzido à delegacia depois de ter atendimento médico e levar 15 pontos na cabeça. O g1 SC não teve retorno da Polícia Civil até a última atualização da matéria.

Conforme o relatório policial, a tia do suspeito disse que o sobrinho estava “bastante alterado” e gritava na rua de casa, no bairro Cordeiros, à procura da esposa.

Ela disse que tentou acalmá-lo, mas foi agredida por ele com um tapa no rosto. Em seguida, o homem saiu de bicicleta para encontrar a companheira no colégio onde o filho do casal estuda.

Na escola, os policiais encontraram o homem com o filho no colo. A criança foi entregue à mãe e, em seguida, os policiais deram voz de prisão ao suspeito pelo crime de violência doméstica. Familiares relataram à PM que a vítima constantemente sofria agressões.

Após receber a voz de prisão, o suspeito discutiu com a PM e recusou ser algemado, conforme a corporação. Em seguida, o homem tentou fugir a pé e entrou em terrenos de casas vizinhas.

Segundo a PM, o suspeito subiu no segundo andar de uma das residências e tentou pular no telhado da construção vizinha. Telhas quebraram e ele caiu no chão.

A polícia o encontrou na rua de trás, com o corpo coberto de sangue e cortes na cabeça e nas pernas. Ele foi conduzido à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Cordeiros, onde levou 15 pontos na cabeça e fez exames de raio-x.

Depois, o homem foi conduzido à Central de Plantão Policial de Itajaí.

 

Com informações G1SC

Veja Também

Comentários estão fechados.