Notícias de Caçador e Região

Sobe para 28 os casos confirmados de coronavírus, em SC

O governador do Estado, Carlos Moisés, e o secretário de Estado da Saúde, Helton de Souza Zeferino, concederam entrevista coletiva para explicar novas ações no combate à pandemia do novo coronavírus em Santa Catarina.

O governador Carlos Moisés iniciou a coletiva anunciando que há 28 casos confirmados do novo coronavírus no Estado, até a manhã desta sexta-feira (20).

Os novos casos são nos municípios de Criciúma (1), Pomerode (1), Jaraguá do Sul (1), Imbituba (1) e Itajaí (1). Os casos já anunciados são nas cidades de Florianópolis (8), Rancho Queimado (2), Joinville (2), Braço do Norte (4), São José (1), Balneário Camboriú (4) e Tubarão (2).

Além disso, Santa Catarina investiga outros 273 casos em todas as regiões do Estado. O número é o mesmo em relação ao boletim da noite de quinta-feira (20).

Tratamento e vacina

A médica infectologista Regina Valim informou que o surgimento de uma vacina para o novo coronavírus deve acontecer dentro de, em média, um ano.

Dois medicamentos estão sendo estudados para o tratamento da doença: cloroquina e hidroxicloroquina. Esses medicamentos são utilizados no tratamento da malária e da doença reumatológica.

“Alguns estudos comprovaram, em alguns poucos casos, uma eficiência no tratamento, mas ainda cabe análise criteriosa. Precisamos levantar novos estudos para poder validar se esses medicamentos são realmente eficientes”, disse a médica.

Fundo de enfrentamento

O governador Carlos Moisés anunciou a criação de um fundo de enfrentamento ao Covid-19 com mais de R$60 milhões nos cofres públicos para conter a doença. O fundo tem o objetivo de preparar o Estado para um cenário mais drástico como a falta de respiradores nas unidades hospitalares.

Os recursos serão originados de doações particulares, pessoas físicas e jurídicas e também empresas que tenham benefícios fiscais.

Além disso, foi ajustado com a ANA (Agência Nacional de Água) e a Casan, a isenção de unidades consumidoras que tenham o benefício da tarifa social, por 60 dias.

Dados da Polícia Militar

Nesta quinta-feira (19), em todo o Estado, houve 4.325 intervenções da Polícia Militar, 314 ocorrências, 285 notificações, 29 interdições de estabelecimentos e a criação de 53 termos circunstanciados.

Novos laboratórios

Conforme o secretário de Estado da Saúde, Helton Zeferino, o governo busca a contratação de um novo laboratório para exames do novo coronavírus, paralelo ao Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública).

“Isso não significa que não estamos dando conta, mas sim, que queremos ampliar a capacidade de oferta. A demanda irá aumentar em grande escala, o que faz com que o governo tenha que ter mais opções de laboratórios para novos diagnósticos”, afirmou o secretário.

Campanha de vacinação

A campanha de vacinação inicia na próxima segunda-feira (23) e cada município deve organizar qual vai ser a melhor estratégia de imunização da população.

O governo recomenda que, os municípios que tiverem suporte operacional, realizem a vacinação dentro das residências. Caso não seja possível, a recomendação é organizar o fluxo para locais ou horários específicos. O objetivo é imunizar toda a população alvo.

Para a infectologista Regina Valim, o inverno trará maior circulação de vírus e é importante que as pessoas não foquem, somente, no Covid-19. “A influenza vai circular e as pessoas têm que se vacinar, sim. Os idosos devem ser vacinados contra a influenza e a recomendação é que não saiam de casa”.

Monitoramento de passageiros

A recomendação é passageiros que chegam de voos com origem em regiões que confirmaram a transmissão comunitária do coronavírus, como Rio de Janeiro, São Paulo e Distrito Federal, façam o recolhimento domiciliar.

O indicado é que aqueles que não apresentaram sintomas permaneçam no isolamento por 7 dias; já os que apresentaram sintomas devem se recolher por 14 dias.

Imposição da quarentena

Conforme o governador, Carlos Moisés, existe a possibilidade de imposição da quarentena, porém, a decisão dependerá das novas atualizações da doença no decorrer dos próximos dias.

 

Veja Também

Comentários estão fechados.