?Só coloco adesivo se ganhar gasolina?

Notícia Hoje

Notícia Hoje

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

Gasolina

“Só coloco adesivo se ganhar gasolina” ou “Me arruma uma gasolina que tenho uns votinhos lá em casa”. Não sou candidato, mas estas são as principais expressões que os concorrentes a cargos públicos em outubro estão ouvindo nos últimos dias.

E olha, que a tão famosa cesta básica, dos caminhões que andavam pela cidade “mocados” e lotados, está fora da moda. Com a “invenção” dos financiamentos, boa parte da população tem carro. Carro precisa de gasolina. E parece que essas pessoas só ficam sem gasolina na época de eleição.

Agora, o fato em questão é que estas pessoas que continuam trocando seus votos por gasolina, colocam um adesivo só por gasolina, são os mesmos que depois vão ficar enchendo o saco porque os políticos são corruptos, que nada fazem.

Corrupto é você. Corrupta é a tua imbecilidade. Isso sim é corrupção.

A leitura e a internet

Me dá medo porque um povo que não lê é o mesmo que vai escolher os nossos governantes. Um povo que não lê nem as mensagens no Facebook e sai espalhando, contando para todo mundo como se fosse verdade consumada. É só ver os inúmeros vírus que estão espalhados pela rede. As fotos “falsificadas” que são replicadas como se fossem verdade. Mas ninguém toma o cuidado de analisar realmente de onde vieram e se existem mesmo.  

Um exemplo foi essa foto que publiquei na manhã desta quarta-feira em meu perfil no Facebook.

width=530

Embaixo estava o seguinte texto:

“Eu estava apreensivo para publicar essa foto pq poderia causar mais pânico ainda nas pessoas. Parece que em Videira também aconteceu algo parecido e as pessoas publicaram também, o que causa mais medo ainda por causa da fúria da natureza.

Precisamos refletir sobre o que estão fazendo com os ursos da Amazônia ou mesmo com os leões no Centro-Oeste do nosso país.

Árvores nativas do Brasil, como o pinus e o Eucalipto sendo plantadas e replantadas apenas para interesses comerciais e ninguém pensando na natureza.

Me deixa constrangido saber que os esquimós, que antes habitavam a nossa região, tiveram que ir embora por conta de situações parecidas como esta da foto.

É gente, é triste, mas é a realidade. Dura e cruel realidade”.

E claro, muitos não leram… Vocês imaginam o restante.  

O reclamão

E pasmem: esse que não lê é aquele que NÃO vai ao posto de Saúde e reclama do atendimento. Que NÃO vai ao PA e reclama do atendimento. Que NÃO vai ao Maicé e diz que não tinha médico. Esse mesmo reclama apenas porque é modinha reclamar da saúde. Esse mesmo reclama porque um amigo do tio do primo do irmão do sobrinho do avô do neto do conhecido disse que não foi atendido. Entretanto, esse mesmo foi ao hospital, ao PA ou ao posto de saúde pela última vez há anos. Ele resolve a sua situação na farmácia mesmo.

Mas, como é moda criticar a saúde, esse mesmo critica. Assim, ele tem assunto pra roda de amigos, pra xingar o político, pra parecer esclarecido dentro da casa.

Esse mesmo, ah, esse mesmo… você, é um estúpido. Só que fique feliz porque, assim como você, vários outros da sua espécie estão soltos por aí e, o pior, tem direito a voto.

Candidata

E a candidata a deputada estadual que era a favor do fechamento das APAES é a mesma que está por aí fazendo campanha com a camiseta da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS). Detalhe: ela nunca se interessou em começar as tratativas para a vinda desta universidade e agora, com o bonde andando, resolveu fazer disso a sua “bandeira” política, para a indignação de todos os outros candidatos do PT a deputados, inclusive do maior defensor da UFFS, Pedro Uczai.

E-mail

Recebi um e-mail que fala a respeito da idoneidade de um advogado de Caçador. Neste mesmo e-mail, um vereador é citado também bem como alguns servidores públicos de cargos não eletivos.

As investigações sobre a veracidade deste e-mail já começaram…

Em Brasília

Prefeito Beto Comazzetto esteve, nesta terça-feira cumprindo agenda na Capital Federal, Brasília. Reunião com o deputado federal Ronaldo Benedet. A comitiva caçadorense também teve o empresário e presidente da Associação Empresarial de Caçador (ACIC), Henrique Basso e o membro da diretoria do Hospital Maicé, Vitor Hugo Mombelli.

O objetivo da comitiva foi pressionar para que projetos para as ampliações do Maicé saiam do papel o quanto antes a os recursos sejam liberados.

width=602

Em Brasília 1

A comitiva caçadorense, que contou ainda com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Leonardo Antunes, se encontrou também com o senador da República, Casildo Maldaner.

width=606

Em Brasília 2

Na Secretaria de Aviação Civil (SAC) da Presidência da República, os caçadorenses trataram das obras no Aeroporto Carlos Alberto da Costa Neves, que fazem parte do plano de ampliação de aeroportos regionais do Governo Federal.

width=602

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp