Notícias de Caçador e Região

SC tem três novos casos confirmados da variante brasileira da Covid-19

Um dos pacientes da variante segue internado na capital, e todos os demais sete casos confirmados até agora já receberam alta

Três novos casos da variante da Covid-19 brasileira, a P1, foram confirmados em Santa Catarina pela Secretaria de Estado da Saúde durante este sábado (27), sendo três pessoas que havia vindo de Manaus.

Os casos foram confirmados pelo Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina), e sequenciado na Fiocruz, no Rio de Janeiro. O grupo permaneceu em isolamento no hospital e não há risco de transmissão.

Os pacientes são duas mulheres, de 42 e 40 anos, e um homem de 48 anos, que chegaram em solo catarinense no dia 31 de janeiro, e foram internados no Hospital Nereu Ramos, em Florianópolis.

As duas mulheres já tiveram alta e retornaram para a capital amazonense, mas o homem segue internado, ainda sem previsão de liberação.

A direção do Hospital ressalta que todas as medidas de biossegurança foram tomadas desde o momento em que os pacientes chegaram a Santa Catarina.

O procedimento realizado pela Fiocruz segue a rotina estabelecido pelo Ministério da Saúde que implementou a Rede Nacional de Sequenciamento Genético, para investigar mutações e diferentes linhagens do vírus SARS-CoV-2 em circulação no Brasil.

O sequenciamento aponta se a pessoa foi contaminada por uma das três variantes da Covid-19 – brasileira, britânica ou sul-africana – e confirma a infecção ativa do vírus. A circulação dessas três mutações é objeto de estudo e preocupação de pesquisadores e autoridades sanitárias ao redor do mundo.

Com mais esses três casos, são um total de oito pessoas que tiveram infecção pela variante brasileira P1, que circula majoritariamente na região Norte do Brasil. Contudo, os demais cinco casos são de pessoas que já tiveram alta hospitalar.

Com informações ND+

Veja Também

Comentários estão fechados.