SC será o primeiro estado a participar do Programa Internet para Todos do governo federal

Notícia Hoje

Notícia Hoje

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

A presidente da Federação Catarinense de Municípios – FECAM, Adeliana Dal Pont, prefeita de São José, e prefeitos presidentes de Associações de Municípios acompanharam nesta segunda-feira,11, na Casa da Agronômica, em Florianópolis, a apresentação do programa Internet para Todos, do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. O ministro Gilberto Kassab apresentou, ao lado do governador Raimundo Colombo, a iniciativa que pretende levar internet banda larga a áreas rurais e localidades que ainda não têm o serviço. Santa Catarina será o primeiro Estado a receber os pontos de conexão com a rede a partir do próximo ano.

O objetivo do programa é promover o atendimento a localidades e distritos, onde inexiste a oferta de acesso à internet. A viabilidade do programa é devido ao lançamento do satélite brasileiro, em 4 de maio de 2017, com capacidade de levar internet para 100% do território brasileiro a uma velocidade de 58 gbps em banda ka, com 67 feixes.

O ministro Kassab disse que esse é maior projeto de inclusão social que se estabelece no Brasil hoje. “Sempre digo, usando como comparação que vale a pena lembrar o que é a vida de uma criança com internet e sem internet. Esse projeto começa por Santa Catarina e, com certeza, ainda em fevereiro de 2018, estaremos levando nos primeiros pontos do Estado a internet para todos”.

De acordo com a presidente da FECAM, a entidade será uma parceira na implantação. “Já que é necessário que todas as informações cheguem aos municípios, estaremos muito próximos do Governo do Estado para que consigamos, no menor tempo possível, que todos estejam aptos para fazer a adesão a esse programa de extrema importância para o desenvolvimento municipal”, destaca Adeliana.

“Para a região serrana será fantástico devido a nossa extensão territorial, com municípios que tem a população predominantemente rural. É um grande avanço”, avalia o presidente da Associação de Municípios da Região Serrana – AMURES, Luiz Carlos Xavier, prefeito de Otacílio Costa.

Ao todo serão cerca de 40 mil pontos disponibilizados, que também serão usados para defesa, educação e saúde. O município que quiser participar deverá se inscrever e se for selecionado será responsável por ceder um terreno, além de custear despesas de energia elétrica e segurança do local. O governo federal fará a instalação de todo o equipamento sem custo para as prefeituras.

Participaram do encontro a 2º vice-presidente da FECAM, Sisi Blind, prefeita de São Cristóvão do Sul; e os presidentes da Associação dos Municípios do Alto Irani – AMAI, Lirio Dagort, prefeito de Xaxim; da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí – AMFRI, Ana Paula da Silva, prefeita de Bombinhas; da Associação dos Municípios do Médio Vale do Itajaí – AMMVI, José Luiz Colombi, prefeito de Botuverá; da Associação dos Municípios do Planalto Norte Catarinense – AMPLANORTE, Ademil Antônio da Rosa, prefeito de Brunópolis; e da AMURES, Luiz Carlos Xavier.

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp