Notícias de Caçador e Região

Sargento Giuliano vai para a reserva remunerada após 27 anos na Polícia Militar

O 2º Sargento Giuliano Tavares assinou nesta segunda-feira, 5, a sua reserva remunerada e encerra a carreira após 27 anos de atividade na Polícia Militar. Com a sensação de dever cumprido, o militar pretende aproveitar a sua “aposentadoria” ao lado da família em Caçador.
Giuliano é natural de Porto União, porém adotou Caçador como sua cidade. Ele ingressou na carreira em 11 de abril de 1995, quando iniciou o Curso de Soldados em Herval d’Oeste, e depois trabalhou em Videira e Joinville antes de Caçador, onde serviu por 20 anos até a reserva.
Durante toda a sua trajetória, sargento Giuliano permaneceu íntegro à missão de servir e proteger a sociedade. Sua honestidade, presteza, responsabilidade e comprometimento foram as principais e indispensáveis qualidades que conduziram seu trabalho nas diversas tarefas realizadas no 15º Batalhão de Polícia Militar (BPM).
Profissional de postura exemplar, atuou na Radiopatrulha e contribuiu para garantir a ordem e paz social. Por último, demonstrou profunda dedicação na Central de Emergência, onde permaneceu por dez anos gerenciando, com sabedoria e experiência, as diversas ocorrências e desordens que acometeram Caçador.
Reconhecendo a inestimável contribuição prestada a esta instituição e ao que ela representa, o comandante do 15º BPM, tenente-coronel José Ronaldo Branco, concedeu um elogio ao sargento Giuliano em razão da meritória atuação durante esses 27 anos. Por fim, o comandante agradeceu aos serviços prestados e desejou sucesso nessa nova fase da vida que se inicia.
Veja Também

Comentários estão fechados.