Notícias de Caçador e Região

Revelado o motivo da morte de família do RS

Na manhã desta quarta-feira (13), na cidade de Cruzaltense, a cerca de 49 quilômetros de Erechim (RS), a morte de uma família chocou a comunidade. Vizinhos identificaram que havia algo errado, quando viram sangue escorrendo pelas paredes da casa, que fica localizada no centro da cidade.

Ao chegar no local, a Brigada Militar identificou três vítimas: o pai, Roseli Luís Ilchenco, a esposa, Maria Santin e a filha Tainá Ilchenco de 19 anos.
A linha de investigação inicial indica que o homem tenha tirado a vida da filha, depois da esposa e, pela parte da manhã, se suicidado.

De acordo com informações divulgadas pelo Jornal Boa Vista, vizinhos relataram que a mulher dele sofria de depressão, mas estava bem e com o tratamento avançado. O homem, ainda de acordo com conhecidos, nos últimos dias se afastou de amigos e demonstrava que estava precisando de ajuda.

De acordo com os policiais, há suspeitas de que ele também estivesse com um grau avançado de depressão. Amigos disseram que, de forma frequente, ele falava com muito amor da filha, dizendo que queria que ela tivesse um futuro bom e estável, por isso nunca imaginavam que ele tiraria a vida da jovem.

O homem foi secretário de agricultura do município em administrações passadas. Atualmente, vivia apenas da Agricultura. Sua mulher, dona de casa e a filha, estudante de Enfermagem em Erechim e estagiária de um banco no mesmo município. A Polícia Civil dará continuidade às investigações para concluir o Inquérito Policial.

O velório da família acontece nesta quinta-feira (14), no Ginásio Comunitário Nossa Senhora de Lurdes, na cidade de Cruzaltense.

Com informações Clic RDC 

Veja Também

Comentários estão fechados.