Início / Destaques / Policial militar de SC está entre brasileiros que aparecem em vídeo constrangendo mulher na Rússia

Policial militar de SC está entre brasileiros que aparecem em vídeo constrangendo mulher na Rússia

Um policial militar catarinense foi identificado entre os brasileiros que aparecem em um vídeo que circula nas redes sociais constrangendo uma mulher na Rússia. As imagens mostram um grupo de homens que finge cantar um hino de torcida, mas fala palavras de baixo calão para a mulher, durante a Copa do Mundo. A nacionalidade dela não foi identificada.

O policial Eduardo Nunes é tenente em Lages, confirmou a corporação nesta terça-feira (19). Ele não atendeu às ligações e mensagens da reportagem.

A Polícia Militar de Santa Catarina, em nota, diz que “um policial militar foi identificado como um dos integrantes que aparecem no vídeo”. O órgão ainda diz que, assim que o homem retornar ao batalhão, será aberto um processo administrativo disciplinar para apurar a “conduta irregular do militar”.

“A corporação não corrobora com este tipo de atitude que é incompatível com a profissão e o decoro da classe, previsto no regulamemto disciplinar, independentemente de estar em período de férias, folga de serviço ou qualquer outra situação de afastamento, devendo portanto, responder por suas atitudes”, diz a PM em nota.

Outro homem que aparece no vídeo também foi reconhecido. O advogado e ex-secretário de Turismo de Ipojuca (PE) Diego Jatobá está entre os brasileiros responsáveis pela ofensa. A Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) fez um ato de repúdio.

Policial foi entrevistado em Dia da Mulher

Neste ano, o tenente Eduardo Nunes participou de uma ação de conscientização em Santa Catarina. Ele foi um dos entrevistados em uma reportagem exibida no Jornal do Almoço, da NSC TV, no Dia Internacional da Mulher em março. Ele falou sobre ações para combater o assédio na saída das universidades.

Veja a nota emitida pela PM SC sobre a situação envolvendo o PM 

Sobre um vídeo gravado na Rússia, em que um grupo de homens brasileiros desrespeita uma cidadã estrangeira, a Polícia Militar de Santa Catarina esclarece que:

  1. Um policial militar foi identificado como um dos integrantes que aparecem no vídeo;
  2. A corporação não corrobora com este tipo de atitude que é incompatível com a profissão e o decoro da classe,  previsto no regulamento disciplinar e no Estatuto da PMSC,   independentemente de estar em período de férias, folga de serviço ou qualquer outra situação  de afastamento, devendo, portanto, responder  por suas atitudes.
  3. Assim que se der seu retorno, a  corporação abrirá  um processo administrativo disciplinar para apurar a conduta irregular do militar.

Quartel do Comando-Geral, 19 de junho de 2018.

JOÃO BATISTA RÉUS

Tenente-coronel PM Chefe

Centro de Comunicação Social

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Sobre Notícia Hoje

O Portal Notícia Hoje foi criado com o objetivo de ser uma alternativa na comunicação online. Trazendo notícias de Caçador e região, aborda política, economia, segurança, esportes e variedades e já se consolidou como referência na informação com rapidez e credibilidade.

Veja também

Gibiteca de Caçador volta a funcionar na antiga Estação Ferroviária

  A Gibiteca, que faz parte da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo de Caçador, …