Policial militar, de folga, tenta auxiliar seguranças em briga e é morto por várias pessoas

Notícia Hoje

Notícia Hoje

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

Um policial militar foi morto, em uma briga generalizada, em um show, em Tangará. Marcos Burzanello estava na Lux Lounge, quando uma briga começou.

A equipe de segurança da casa tentou retirar os envolvidos, mas a confusão continuou. O policial, então, interviu, tentando acalmar os ânimos e separar as pessoas que estavam brigando.

Entretanto, ele passou a ser atacado também e, ainda no interior do estabelecimento, cerca de 5 agressores perceberam que o PM estava armado e tentaram retirar sua arma.

O policial, então, efetuou dois disparos. Os homens correram para o outro lado da rua e um dos deles, posteriormente identificado como Jhonatan Henrique Veiga Ribeiro, gritou para outros que estavam na calçada “- é um polícia, aqui é Tangará”, incitando, dessa forma, os demais a agredirem o policial e o segurança.

Participaram das agressões Daniel Galvão, vulgo “Gauchinho”, Ricardo da Costa, vulgo “Tanaka”, Pedro Paulo Camargo Silva, sendo que Daniel tenta retirar a arma de fogo do policial. Daniel recebe o auxílio de outros indivíduos e da namorada, Diuli Carine De Morais.
Pelas imagens de câmeras de segurança é possível ver que, em certo momento, o policial cai e Daniel aparece em posse da arma dele, atingindo o PM na perna. Neste momento, João Matheus Moreira Veloso, consegue desarmar Daniel.

Mesmo assim, diversas pessoas continuam agredindo o policial, caído no chão, inclusive com pedradas na cabeça.
Com o ferimento, o PM perdeu muito sangue. Ele foi encaminhado ao Hospital de Tangará e, devido a gravidade da lesão, precisou se removido para o Hospital Universitário HUST, em Joaçaba.

Jhonatan, Daniel, Diuli e vulgo “Pequeno” foram presos, suspeitos do crime.

O policial teve uma lesão na artéria femural e morreu na UTI do hospital.

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp