Notícias de Caçador e Região

Policial Civil foi morto pela própria filha, de 12 anos, com auxílio de mais uma adolescente

A Polícia Civil confirmou na tarde deste sábado (16), que o policial Neife Luiz Werlang, de 46 anos, foi morto pela própria filha, uma adolescente de 12 anos, a qual contou com auxílio de uma amiga, de 13 anos.

O crime foi registrado na noite de ontem (15). A vítima foi encontrada em óbito pela esposa em um quarto da residência. Neife foi atingido por várias facadas na região do pescoço, não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Leia a nota divulgada nesta tarde pelo Delegado Regional de Polícia Civil, Wesley Andrade:

 

POLÍCIA CIVIL ESCLARECE HOMICÍDIO PRATICADO CONTRA POLICIAL CIVIL EM SÃO MIGUEL DO OESTE

No início da noite de sexta-feira (15), a Polícia Civil foi comunicada de que o Agente de Polícia Neife Luiz Werlang teria sido encontrado morto, por golpes de faca, em sua residência, no bairro Agostini, em São Miguel do Oeste/SC.

De imediato, os policiais civis de plantão e a equipe da DIC Fron SMO da PCSC se deslocaram até o local para iniciar as investigações. Foi identificado que o policial estaria caído em um dos cômodos da residência. Após diligências e investigações,  a equipe da DIC apurou que duas adolescentes, entre elas a filha do policial, foram as responsáveis pelo crime. Após apresentação das evidências, as adolescentes confirmaram que planejaram o ataque ao policial civil. O crime ocorreu com golpes de faca. A ocorrência foi formalizada em auto de apreensão de adolescentes, também com apoio da DPCAMI, com a custódia das adolescentes responsáveis e encaminhamento do procedimento ao Poder Judiciário.

O procedimento de polícia judiciária ainda terá seu curso de conclusão, com os laudos periciais e relatórios de investigação.

Com informações – WH3.com.br

 

Veja Também

Comentários estão fechados.