Notícias de Caçador e Região

Polícia cumpre mais de 230 mandados de prisão em SC

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Repressão ao Crime Organizado, da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Draco/Deic), apresentou, nesta quarta-feira, 27, um balanço das ações contra a criminalidade em Santa Catarina em 2017. Durante as operações, foram cumpridos 238 mandados de prisão e 43 prisões em flagrante. Os policiais também apreenderam 750 munições e uma grande quantidade de armas, incluindo fuzis.

O grupo de trabalho, composto por especialistas no enfrentamento ao crime organizado, firmou importantes parcerias com todas as divisões da Deic, unidades da Polícia Civil, Forças Policiais e Prisionais, Diretoria de Informações e Inteligência (Dini) e, ainda, Ministério Público e Poder Judiciário.

A Policia Civil, por meio da Draco/Deic, além de estabelecer importantes parcerias de trabalho, em especial com a equipe da Dini/SSP/SC (Diretoria de Informação e Inteligência), realizou investigações de forma técnica e qualificada, antecipou ações para evitar mortes na Capital a partir da retirada de armas de fogo de circulação e prisões de lideranças de facções criminosas. Também repassou informações à Secretaria de Justiça e Cidadania, evitando mortes de detentos, e compartilhou elementos de prova de autoria e materialidade de crimes graves com Delegacias de Polícia de área e especializadas.

Resultados
– Mandados de busca e apreensão cumpridos – 157
– Mandados de prisão cumpridos – 238
– Pessoas presas por meio de auto de prisão em flagrante – 43
– Inquéritos policiais – 42
– Representações entabuladas por medidas cautelares e meios especiais de investigação – 37
– Armas apreendidas – 38, dentre elas 4 fuzis;
– Munições apreendidas – 750
– Operações de vulto realizadas – 16

Veja Também

Comentários estão fechados.