Notícias de Caçador e Região

Pfizer faz acordo para fabricação de vacinas no Brasil a partir de 2022

A vacina contra a Covid-19 da Pfizer vai ser produzida no Brasil a partir de 2022. A farmacêutica norte-americana e a parceira BioNTech confirmaram nesta quinta-feira (26) um acordo com a Eurofarma, laboratório de medicamentos genéricos, para fabricação do imunizante no país.

As instalações de equipamentos e atividades de transferência técnica e desenvolvimento começam imediatamente. As informações são do R7.

O acordo não cobre o processo de produção do RNA mensageiro do fármaco, que seguirá sendo feito nas instalações da Pfizer e da BioNTech, nos Estados Unidos.

Expectativa de produção

A expectativa da Pfizer/BioNTech é que a farmacêutica nacional produza mais de 100 milhões de doses prontas anualmente em plena capacidade operacional. Os imunizantes produzidos no país serão distribuídos na América Latina.

Segundo o vacinômetro do Ministério da Saúde, mais de 30 milhões de doses da Pfizer já foram aplicados nos brasileiros, o que corresponde a mais de 17% dos vacinados.

O imunizante foi o primeiro a ter uso definitivo aprovado no Brasil e é o único que pode ser aplicado em adolescentes de 12 a 17 anos.

Acordos

O acordo entre a Pfizer/BioNTech e a Eurofarma é o terceiro entre farmacêuticas e laboratórios para a fabricação e imunizantes contra a Covid-19 no país.

O imunizante da Oxford/Astrazeneca é produzido pela Fiocruz (Fundação Osvaldo Cruz), no Rio de Janeiro e a Coronavac, da chinesa Sinopharm, é feita no Instituto Butantan, em São Paulo.

 

Veja Também

Comentários estão fechados.