Notícias de Caçador e Região

Pesquisa da UNIARP estuda a relação entre desenvolvimento e educação

A Universidade Alto Vale do Rio do Peixe (UNIARP), por meio do professor e aluno no Mestrado Interdisciplinar em Desenvolvimento e Sociedade, Rodrigo Regert está pesquisando a relação entre o desenvolvimento e a educação na formação cidadã.

prof. rodrigo (1)

 

O aluno, que também é professor da rede estadual em Fraiburgo, é formado em filosofia e história com habilitação em sociologia e psicologia. Ele é responsável pela pesquisa: “Análise da Formação Cidadã em uma Escola do Município de Fraiburgo”, e é orientado pelo professor doutor Joel Haroldo Baade.

Segundo Regert, entre os objetivos está o de descrever o desenvolvimento histórico-social brasileiro desde a Era Vargas até a atualidade e as ideias desenvolvimentistas que nortearam cada período. “Pretendo também esboçar um estudo sobre três dos sete saberes necessários para a educação do futuro de Edgar Morin com vistas à formação cidadã, compreender a educação desenvolvida entre alunos do terceiro ano do Ensino Médio em uma das escolas de Fraiburgo e de que forma isso poderá ser útil a sociedade”, afirma o mestrando.

Ainda de acordo com o professor Rodrigo Regert, a pesquisa busca entender os pressupostos que nortearam a educação do Brasil e quais são os objetivos. “Eles são de extrema importância para que tenhamos uma sociedade mais igualitária e justa, com direito e oportunidade a todos os cidadãos, além é claro, de poder auxiliar para a construção de uma educação voltada ao senso crítico do indivíduo buscando a sua autonomia”, destaca Regert.

A pesquisa que está em pleno andamento, já gera ao mestrando, uma expectativa quanto os resultados. “Espero que os alunos entendam o quanto eles são importantes para o futuro local e regional, sem essa compreensão e valorização dos mesmos perante a sociedade nunca teremos mudança alguma. Nossa região necessita de pessoas autônomas e pensantes que interfiram nas tomadas de decisão da sociedade e que se sintam engajados e amparados no convívio político e social”, afirma o professor Rodrigo Regert.

Veja Também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.