Notícias de Caçador e Região

Palestra sobre “Mal de Alzheimer” lota auditório da Câmara de Vereadores

A Unimed Caçador e a Secretaria de Bem Estar Social realizaram na tarde de sexta-feira, dia 23, a palestra “Mal de Alzheimer”, ação integrante do Programa Medicina Preventiva, alusiva ao Setembro Lilás, movimento que alerta os cuidados aos idosos.

lilas01-1

Cerca de 200 pessoas, de várias idades, prestigiaram o evento, que teve como facilitador o médico neurologista Nabil Elias Bittar. O médicoafirmou que 10% da população acima de 65 anos são acometidos da patologia nos dias de hoje. Quanto às causas existem vários entendimentos, “porém não há uma causa certa, mas estudiosos apontam o estilo de vida como um dos principais fatores”, explicou. Quanto às características a principal é o esquecimento, seguido de habilidades motoras. “O paciente pode esquecer uma atividade que fazia, como dirigir, por exemplo, ou não reconhecer pessoas, lugares, colocar coisas em local estranho, fazer comentários fora do contexto, entre outros”.

lilas02-1

O médico neurologista alerta que é preciso estruturar o ambiente de forma que o paciente se sinta seguro, e ter paciência com o familiar que tem Alzheimer. “Quando for sair, auxilie com o cinto ou trava da porta, se chegar no destino e ele não quiser sair do carro, dê mais uma volta no quarteirão. Não custa”, orientou. Com relação à alimentação destacou que o ambiente deve ser o mais limpo possível, para que ele não se atenha a uma estampa de toalha por exemplo e perca o foco que está ali para se alimentar. “Além disso, convide-o a guardar a louça ou varrer a cozinha. É preciso integrá-lo na rotina”.

lilas03-1

Dentre as dicas, o médico falou que qualquer família está  exposta a se deparar com uma pessoa com o Mal de Alzheimer, mas alerta que, mais que a doença, o cuidado maior é manter a autoestima e o amor com o paciente.

wpp

Veja Também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.