Nova carga de donativos é enviada ao RS, mas com uma particularidade

Jonathan Ribeiro

Jonathan Ribeiro

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

Nova Carga

Junto com a nova carga, foi donativos e remédios que iriam de avião, mas por não ter teto em Caxias do Sul, o piloto, que veio de Brasília, pousou em Caçador

Uma nova carga, enviada ao Rio Grande do Sul, com doações de caçadorenses, se tornou ainda mais especial. Isso porquê, na sexta-feira, 10, um avião, com medicamentos diversos, incluindo alguns para leptospirose, além de água e roupas de cama, pousou em Caçador.

O destino, entretanto, era o aeroporto de Caxias do Sul. Como não havia teto para pousar lá (o avião não voava por instrumentos), o piloto desceu em Caçador, por ser o aeroporto mais perto da rota do destino com possibilidade de pouso.

As doações que integram esta nova carga, que tinham destino o hospital da Unimed, em Novo Hamburgo (ao lado de Caxias do Sul), foram arrecadados entre um grupo de amigos de Brasília e do entorno.

Os responsáveis pela carga, Danilo e Almir, conversaram então com o prefeito Alencar Mendes, no Tiro de Guerra, e tiveram a garantia de que os mantimentos seriam levados até o destino final, ou via aérea ou por terra.

Como não havia possibilidade de pouso em Caxias do Sul, devido ao mau tempo desde sexta-feira, nesta segunda, dia 13, a carga embarcou em um caminhão, da empresa Transpower e, junto com donativos de caçadorenses, seguiu até o destino.

LEIA TAMBÉM: Primeiro frio intenso do ano deve ocorrer nesta semana em SC; confira a previsão

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp