Notícias de Caçador e Região

No SESI, cantina sem controle de pagamento gera reflexões sobre honestidade

Dia 16 de setembro foi realizada a apresentação da “Cantina da Honestidade- onde você é o cliente e o vendedor”, um projeto dos alunos da turma de Operador de Máquinas para Processos de Industrialização da Madeira/EJA Profissionalizante do SESI. O trabalho teve o apoio do SENAI, nas aulas ministradas no curso de qualificação. A Cantina foi instalada no SESI Caçador.

A proposta do projeto é oferecer produtos aos alunos e funcionários com um preço justo, visando sua honestidade, sem ninguém fiscalizando e cobrando. “Semanalmente será feito o balanço das vendas, com o lucro e taxa de esquecimento. O lucro será revertido na reposição dos produtos da cantina, com preços melhores no mês seguinte”, explica a professora Jakline Schuler, responsável pelo projeto.

A professora destaca que o desafio foi colocado para os alunos do projeto e para todas as pessoas que irão usar a Cantina da Honestidade, refletindo sobre questões como: Nossa sociedade é honesta? Por que ser honesto? Quais são os benefícios quando se age com honestidade?

Os alunos do projeto aplicaram competências e habilidades das áreas de conhecimentos, com a produção de um móvel onde estão expostos os produtos da cantina. A questão de valores também foi reforçada no projeto. “Queremos despertar nos alunos o interesse no gerenciamento e organização de todo o processo operacional, além de conscientizar para o desenvolvimento da cidadania, ética, confiança e honestidade da população, incentivando o empreendedorismo”, ressalta. “Honestidade é fazer o certo, mesmo quando ninguém está olhando”, completa.

Outro móvel, com a Cantina da Honestidade será instalado na unidade do SENAI em Fraiburgo/SC.

Veja Também

Comentários estão fechados.