Notícias de Caçador e Região

Neta acusada de matar avó e esconder corpo em mala é presa em SC

A mulher de 30 anos, acusada de matar a avó e esconder o corpo em uma mala em Itajaí, no litoral Norte de Santa Catarina, foi presa nesta terça-feira, dia 10. O crime aconteceu no dia 31 de dezembro de 2022, no apartamento em que as duas residiam.

O caso foi descoberto após vizinhos notarem a suspeita saindo do condomínio em uma motocicleta, carregando a mala. A bolsa, que estava amarrada, teria caído e aberta parcialmente, momento em que as testemunhas viram partes do corpo da avó.

A mulher, então, colocou os dois filhos no veículo, deixou a mala jogada no pátio e fugiu do local. Outros moradores próximos também teriam relatado aos policiais a relação de conflitos da vítima com a neta.

 

Investigações

Conforme a Polícia Civil, após investigações, foi possível concluir que a mulher matou a idosa de 78 anos porque queria ficar com o apartamento dela. A vítima foi asfixiada pela neta ainda durante a tarde do dia 31.

Ainda de acordo com as investigações, após a virada do ano, a autora teria tentado tirar o corpo do local.

De acordo com Eduardo Ferraz, delegado responsável pelo caso, a neta, que estava acompanhada dos advogados de defesa, ficou em silêncio durante interrogatório. Ela foi indicada pelos crimes de homicídio qualificado por asfixia, motivo torpe, emprego de recurso que dificultou a defesa da vítima e tentativa de ocultação de cadáver. Em seguida, foi levada ao Complexo Penitenciário de Itajaí.

Com informações do NSC

 

Veja Também

Comentários estão fechados.