Notícias de Caçador e Região

“Não fomos responsáveis pelo descarte do pé encontrado”, diz nota de hospital

O Hospital Salvatoriano Divino Salvador emitiu nota de esclarecimento sobre um pé humano encontrado no Rio Correntes neste domingo, 23. O caso foi divulgado após um pescador encontrar próximo a Santa Cecília.

Segundo nota, o pé foi amputado pela equipe cirúrgica do hospital, porém foi entregue a família. Sendo assim o hospital não foi responsável pelo descarte.

Confira a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O Hospital Salvatoriano Divino Salvador, através de sua direção, esclarece que a parte de um pé, encontrado após descarte irregular, conforme amplamente noticiado no dia de hoje, efetivamente resultou de intervenção acontecida em seu centro cirúrgico. Após identificarmos o paciente, pudemos averiguar os fatos, importando destacar que o material, após os exames patológicos correspondentes, foi entregue ao paciente e sua família. Estes, por sua vez, após assinarem o termo de recebimento respectivo, foram orientados como deveriam proceder para o descarte definitivo. Assim, o referido descarte irregular não foi realizado pelo HSDS e nem aconteceu sob sua responsabilidade. Esclarecemos, outrossim, que o HSDS segue rigorosamente todos os protocolos legais, nestes casos, sob a supervisão das autoridades competentes. Tanto assim é que este fato ganhou repercussão exatamente por seu ineditismo.

Videira, 24 de julho de 2017.

André Ragnini – Diretor Administrativo

Veja Também

Comentários estão fechados.