Notícias de Caçador e Região

Mulher é amarrada por amigos, tem cabelo cortado e corpo ‘regado’ com gasolina em SC

Uma mulher foi torturada por cerca de 2h30 na madrugada desta quinta-feira (5) em Santa Rosa do Sul, no Sul catarinense. Ela teve cabelos e sobrancelhas cortadas, sofreu uma série de lesões e, por pouco, não teve o o corpo incendiado.

Segundo a vítima, ela estava na casa do companheiro, onde vive com ele e um amigo dele, quando iniciaram as agressões por volta das 4h. No local, também estavam outros dois amigos e um amiga do casal. A casa fica situada no bairro Moinhos de Ventos.

A mulher revela que, em determinado momento, foi agarrada por trás e amarrada pelo morador, com quem já tinha desafeto, e os amigos ajudaram. Segundo ela, o suspeito usava a casa deles para realizar  comércio de entorpecentes.

Após ser amarrada, a vítima conta que eles colocaram um pano em sua boca, cortaram seus cabelos e sobrancelhas e danificarem suas unhas. Além disso, jogaram gasolina por todo o seu corpo.

Conforme a mulher, ela só não teve seu corpo queimado, porque o companheiro chegou a tempo e a soltou. Em seguida, ela conta que conseguiu fugir e acionar a Polícia Militar por volta das 7h.

De acordo com os policiais, ela se encontrava bastante desesperada e lesionada, com os cabelos e sobrancelhas cortadas e com forte odor de gasolina.

Diante dos fatos, a guarnição se deslocou até a casa e encontrou os envolvidos e restos de cabelo na churrasqueira. Eles foram presos em flagrante e conduzidos até a Central de Plantão Policial de Araranguá.

A PM também informou que apreendeu porções de maconha e cocaína, uma balança de precisão e um simulacro, além de um celular, porque a vítima relatou que os autores gravaram vídeos da tortura no aparelho.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.