Notícias de Caçador e Região

Movimento Sem Teto enviará milhares de militantes para desbloquear estradas

O MTST  (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) informou que vai enviar milhares de militantes às estradas bloqueadas por bolsonaristas para retirar as barricadas que impedem a passagem dos carros.

Em nota divulgada nesta terça (1º), o movimento diz que decidiu tomar uma atitude após ver que os bloqueios estão acontecendo “com a complacência” da PRF (Polícia Rodoviária Federal). “Esperamos ser tão bem recebidos pelas forças de segurança quanto os bolsonaristas estão sendo”, diz o MTST.

O jornal Folha de S.Paulo apurou que os militantes estão sendo orientados a não entrar em confrontos com bolsonaristas, mas sim retirar os materiais que eles colocaram nas vias para impedir o trânsito de veículos.

Os bloqueios em rodovias por bolsonaristas que protestam contra o resultado das urnas na votação de domingo (30) para a Presidência da República entraram no segundo dia nesta terça.

Após decisão do Supremo Tribunal Federal, governadores começaram a mandar a Polícia Militar agir para liberar as vias. De acordo com a PRF, pelo menos 14 trechos das rodovias em SC já foram liberados.

Leia a íntegra da nota do MTST:

“Nos últimos quatro anos, observamos no Brasil a construção de um governo autoritário e fascista. Foram inúmeras as manifestações de desrespeito aos princípios democráticos, com ataques à imprensa, ao livre direito de manifestação, às instituições e ao sistema eleitoral.

Desde domingo, observamos no país travamentos que contestam o resultado eleitoral e pedem intervenção militar. Tais protestos acontecem com a complacência de forças de segurança, como a PRF.

Nós do MTST sempre estivemos nas ruas lutando por direitos sociais legítimos como casa e comida. Muitas dessas vezes fomos recebidos com tiros, bombas, agressões e prisões.

Diante desse fato, a coordenação nacional do MTST orienta sua militância nos estados a organizar manifestações para desbloquear as principais vias de acesso, exigindo o respeito ao resultado eleitoral. Esperamos ser tão bem recebidos pelas forças de segurança quanto os bolsonaristas estão sendo.”

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.