Notícias de Caçador e Região

Menina de 11 anos morre eletrocutada em cerca elétrica, em SC 

Uma menina de 11 anos morreu eletrocutada após encostar em uma cerca eletrificada no final da tarde desta quinta-feira (3) no município de Atalanta, no Alto Vale do Itajaí.

A menina foi identificada como Amanda Vignoli Heizen. O velório foi realizado na Igreja Evangélica de Atalanta e o sepultamento será feito no Cemitério Municipal ainda na manhã desta sexta (4).

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o socorro foi acionado por volta das 17h10 para verificar uma ocorrência de choque elétrico na localidade de Alto Dona Luiza.

No local, os bombeiros encontraram a menina caída sobre uma cerca de arame farpado por onde também passava uma cerca elétrica.

A área onde estava a cerca, segundo os bombeiros, é um banhado. Antes de prosseguir com o atendimento foi necessária a ajuda de um eletricista para isolar o local e garantir a segurança dos socorristas, pois havia a possibilidade da cerca ainda estar energizada.

Após garantir a segurança do local, os bombeiros conseguiram chegar até a menina e constataram que ela já estava sem vida.

Os bombeiros também informaram que próximo do corpo da vítima havia o corpo de uma vaca que encontrava-se morta, possivelmente também por choque elétrico. Após os procedimentos, o local ficou aos cuidados do IGP (Instituto Geral de Perícias), Polícia Civil e Polícia Militar.

Histórico: Por volta das 17h10min a guarnição da viatura ASU-362 foi acionada para atender uma ocorrência no município de Atalanta que conforme o COBOM uma feminina menor havia levado um choque elétrico em uma cerca.

Chegando no local a guarnição constatou a ocorrência de uma feminina de 12 anos A.V. H que encontrava-se caída em decúbito dorsal sobre uma cerca de arame farpado onde passava uma cerca elétrica. O local era um alagado (banhado) e por segurança a guarnição realizou o dimensionamento da cena juntamente com um eletricista que estava no local pois a cerca poderia estar energizada ainda.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.