Mais de 100 terrenos particulares notificados pela Fundema

Notícia Hoje

Notícia Hoje

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

A Fundação do Meio Ambiente já notificou, nas últimas três semanas, cerca de 100 terrenos particulares que precisam com urgência de roçadas. “Aos poucos os proprietários estão limpando estes locais e contribuindo com a estética da cidade, sem contar que esta ação também combate a proliferação de insetos e animais peçonhentos”, ressalta o presidente do órgão.

Por outro lado, a Fundema continua focada nos trabalhos de roçadas e limpeza geral em Caçador. No decorrer da semana passada, os trabalhos concentraram-se no Aeroporto Dr. Carlos Alberto da Costa Neves, também nos arredores da Ciclovia, e nas ruas Osório Timermann e Emílio Joaquim.

Lixeiras
Esta semana a Fundação de Meio Ambiente (Fundema) iniciou o trabalho de substituição de lixeiras no município, começando pela avenida Barão do Rio Branco e algumas ruas do centro. Ao todo foram 25 novas cestas no lugar das que estavam em pior estado de conservação, ocasionado por degradação natural ou atos de vandalismo.

“Com esta substituição, pedimos encarecidamente que a população cuide deste patrimônio público, afinal é um utensílio que contribui para manter a cidade sempre limpa e bonita”, relata Luiz Gustavo Pavelski, presidente da Fundema.

Os atos de vandalismo frequentes em patrimônios públicos de Caçador, como lixeiras nas calçadas e praças, bancos públicos, entre outros, devem ser denunciados à Prefeitura ou à Fundema. “O cidadão de bem que observar pessoas estragando as lixeiras ou qualquer outro patrimônio do município devem denunciar para que sejam tomadas medidas cabíveis e para que os vândalos possam ser identificados”, explica Pavelski.

width=450

Limpeza
As máquinas Bob Cats voltaram a atuar nas ruas de Caçador através da equipe da Fundema. Os trabalhos foram realizados esta semana nas ruas do bairro Bom Jesus.

De acordo com Pavelski, uma das máquinas realiza a retirada do mato que fica entre as calçadas e a rua, através de um sistema de escova de aço, enquanto a outra passa em seguida fazendo a varredura para limpeza do local atacado.

Ele explica que o serviço pode gerar um pó momentâneo, fruto da estiagem destas últimas semanas. “Devido a capina mecânica ser a única forma correta para a realização da retirada destes matos, pedimos para que a população entenda este fato, pois apesar do pó, o benefício pode ser visualizado por alguns meses”, comenta.

width=450

Também segundo o presidente da Fundema, uma programação para realizar este serviço em outros bairros de Caçador já está sendo montada . “Os munícipes que observarem bastante mato em frente as suas residências e ao longo de suas ruas, podem ligar na Fundema e solicitar a limpeza. Sendo assim estaremos colocando a solicitação na programação da capina mecânica”, afirma.

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp