Notícias de Caçador e Região

Mãe encontra ferimentos na filha de 3 anos e polícia suspeita de estupro em cidade de SC

Um atendimento pediátrico no hospital virou caso de polícia nesta quarta-feira (22) em Blumenau. A Polícia Militar foi acionada após uma criança de 3 anos dar entrada no pronto atendimento com suspeita de ter sido estuprada.

A menina estava acompanhada da mãe, uma mulher de 22 anos, que contou aos policiais que a criança estava na casa do ex-marido. O homem de 24 anos é pai da garota e, pela guarda compartilhada, deveria ficar com ela até o natal.

Porém, na última segunda-feira (20) a menina começou a chorar pedindo para ir embora. Na noite de terça-feira (21) a criança voltou para a casa da mulher, que ao dar banho nela verificou que a filha estava com ferimentos na região genital.

Polícia Civil investiga o caso

Já no hospital a Polícia Militar acionou a Polícia Civil e também o IGP (Instituto Geral de Perícias) para iniciar as investigações. A reportagem do portal ND+ conversou com a delegada Juliana Tridapalli, responsável pela DPCAMI (Delegacia de Polícia de Proteção à Mulher, à Criança e ao Adolescente), que explicou que a investigação acontece sob sigilo de justiça.

Conforme a delegada, a polícia ainda aguarda o laudo do IGP, porém um exame feito pela equipe do hospital não constatou lesão de crime sexual na criança.

Estupro termina em homicídio

Outro caso de estupro mobilizou a Polícia Militar na última semana. Uma mulher de 30 anos matou um homem dentro da própria casa após ele confessar ter abusado sexualmente da filha dela, de apenas 2 anos, na cidade de Colombo, no Paraná. O crime aconteceu no último domingo (19).

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.