Madeireira Seleme reduz contingência da empresa e libera parte dos funcionários

Notícia Hoje

Notícia Hoje

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

Com intuito de contribuir para a contenção do coronavírus, a Madeireira Seleme adotou algumas medidas dentro da empresa. Uma delas, é reduzir o contingente de funcionários, mantendo em funcionamento apenas setores essenciais.

Conforme o empresário Gilberto Seleme, o momento é de muito cuidado e também de apreensão. “Cada um deve fazer a sua parte e conosco não podia ser diferente”, disse.

Gilberto comentou ainda que do quadro funcional, foi feito um remanejamento e liberado para ficar em casa funcionários que estão no grupo de risco, gestantes e pessoas com quadro gripal.

Segundo ele, essa decisão foi também em função de que as aulas e creches foram suspensas e as mães não têm com quem deixar seus filhos.

Outra medida adotada também é colocar mais transporte com menos funcionários, além de carros particulares, para evitar aglomero de pessoas.

O empresário relatou ainda que como o ramo é exportação, o motorista de caminhões que chegam à empresa  não podem descer do caminhão, com exceção de ir ao banheiro, onde tem todo o cuidado e produtos de higienização. Outra medida também são com visitantes, que não podem mais entrar na empresa, sendo atendido na portaria em uma sala preparada para esta finalidade.

“Não podemos levar isso na brincadeira. Estamos todos em risco e queremos contribuir para que não aja mais proliferação do coronavírus pensando no bem nos nossos colabores, bem como de seus familiares e sociedade de modo geral”, disse.

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp