Lula é alvo de pedido de impeachment com base no 8 de janeiro

Notícia Hoje

Notícia Hoje

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

Um pedido de impeachment foi protocolado na Câmara contra Lula, nesta quinta-feira (2/3), por suposto crime de responsabilidade na invasão às sedes dos Três Poderes, no dia 8 de janeiro, em Brasília.

O pedido é assinado pelo deputado federal bolsonarista Carlos Jordy, do PL. No documento, o parlamentar argumenta que houve omissão por parte do governo federal, inclusive de Lula, para evitar as invasões.

Jordy alega que forças de segurança avisaram previamente ao Planalto sobre os riscos da manifestação. O deputado aponta como fator que teria contribuído para o vandalismo a suposta existência de “False Flags”. Isto é, pessoas de esquerda que teriam se infiltrado no movimento de direita e causado “abalo emocional e o desgaste físico” dos manifestantes.

O deputado inclui na denúncia os ministros da Defesa, José Múcio, e da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino. O documento foi encaminhado ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

O pedido de impeachment foi apresentado após a oposição reunir o número de assinaturas necessário para a abertura de uma Comissão Parlamentar Mista (CPMI) para investigar os atos de vandalismo do dia 8 de janeiro.

O pedido de criação da CPMI foi feito pelo deputado André Fernandes (PL-CE) e recebeu 189 assinaturas na Câmara e 33 no Senado.

Com informações Metrópoles 

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp