Notícias de Caçador e Região

Juiz concede liberdade provisória à mãe, suspeita de matar filha de 4 anos, em Guatambu

Na tarde desta terça-feira, 22, o juiz substituto Guilherme Pereima concedeu a liberdade provisória à mulher indiciada pela morte da filha de 4 anos. O fato aconteceu na madrugada de segunda-feira (21), no município de Guatambu (SC).

Conforme o Tribunal de Justiça de Chapecó, a audiência de custódia estava marcada para às 16h desta terça. A decisão foi tomada em conformidade com ofício do delegado de polícia Tiago Escudero, onde relata que, “após exames preliminares, em contato com o perito responsável pelo exame, foi recebida a informação de que, embora a suspeita tenha confessado ter agredido a filha e tais lesões serem observadas no corpo da criança, as agressões, a princípio, não têm relação com o óbito”.

Diante do argumento, a audiência de custódia foi dispensada e a mulher foi liberada em tempo dos atos fúnebres da filha.

​A polícia e o Poder Judiciário aguardam laudo pericial oficial da morte da criança. O caso segue sob responsabilidade da 1ª Vara Criminal da comarca de Chapecó, em segredo de Justiça.

Com informações do ClicRDC

Veja Também

Comentários estão fechados.