Notícias de Caçador e Região

Homem é morto dentro de casa após traição: ‘apenas de cueca’

Um homem de 36 anos foi morto em casa na noite desta terça-feira (28) no bairro Industrial, no município de Contagem, em Minas Gerais. De acordo com a Polícia Militar, a namorada dele, de 29 anos, é suspeita de envolvimento no crime.

De acordo com a Polícia Militar, a mulher admitiu ter pedido para desconhecidos “darem um susto” no homem, após ela descobrir uma traição dele com uma amiga dela. Ela, no entanto, nega ter mandado matar a vítima ou ter participado das agressões. As informações são do site UAI.

Um vizinho acionou a polícia após suspeitar de invasão na casa do homem morto. Na residência, os militares encontraram o corpo da vítima no quarto, apenas de cueca, com as mãos e as pernas amarradas. Uma blusa de frio cobria o rosto.

Os militares consultaram o sistema e descobriram ocorrências passadas envolvendo a vítima e a namorada dele, que mora no bairro Tirol, região do Barreiro, em Belo Horizonte.

Traição

De acordo com o site, aos policiais, a mulher contou sobre a traição e disse que, na noite desta terça, chorava em uma praça no bairro Mangabeiras, quando um desconhecido perguntou por que ela estava triste. Após contar sobre a infidelidade do namorado, o homem teria oferecido “dar um susto” nele. Ela aceitou.

A mulher relata que eles combinaram de se encontrar mais tarde, na mesma praça, mas que três homens diferentes apareceram. Ela os acompanhou até a casa da vítima e esperou no portão. Em seguida, conforme relato dela, os homens pularam o muro e ficaram cerca de 20 minutos na residência.

Dois dos suspeitos foram encontrados pela PM. Eles afirmaram que a mulher se aproximou deles e pediu que eles dessem um susto no namorado e roubassem a casa. A dupla também acusa a mulher de ter participado das agressões — o que ela nega. O terceiro suspeito ainda é procurado.

*As informações são do site UAI.

 

Veja Também

Comentários estão fechados.