Notícias de Caçador e Região

Funcionária de abrigo é agredida e tem orelha arrancada

Uma funcionária de um abrigo foi agredida e teve parte da orelha arrancada após a mãe de uma das crianças invadir o local na última sexta-feira (23) em Penha. A suspeita de cometer o crime queria levar a criança que estava no local por Medida de Proteção determinada pelo Poder Judiciário.

A mãe da criança de 1 ano e 4 meses teria invadido o local após pular o muro e retirar a criança do espaço, mas foi impedida pelos funcionários do abrigo. Em determinado momento, a suspeita mordeu e arrancou parte da orelha da funcionária.

A mulher foi presa em flagrante delito e conduzida à Central de Plantão Policial, onde foi autuada em flagrante delito pelo crime de Lesão Corporal. Em seguida, ela foi encaminhada para o Presídio Regional da Canhanduba, em Itajaí, onde vai ficar à disposição do Poder Judiciário.

A vítima, que teve a orelha arrancada, foi levada ao Pronto Atendimento de Penha, onde passou por uma cirurgia.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.