Notícias de Caçador e Região

Empresa do caminhão envolvido no acidente com morte, na Honorino Moro, desconhece motorista

A empresa Rizzi, responsável pelo caminhão envolvido no acidente, que resultou na morte do jovem Matheus Lourena de Oliveira, na manhã deste sábado, 8, emitiu uma nota sobre o ocorrido.

Segundo a nota, o motorista, preso em flagrante, não pertence ao quadro de funcionários da empresa. Ainda conforme a empresa, o ato registrado em vídeo é totalmente contra os valores morais e éticos da empresa.

Como o motorista não é funcionário da empresa Rizzi Transportes, vai ser verificado se o veículo foi furtado ou o próprio motorista franqueou a direção do mesmo para um terceiro sem conhecimento da empresa.

Confira a nota:

“A empresa vem a público esclarecer que os vídeos que circulam nas redes sociais, retratam situação absurda e lamentável que é totalmente contrária aos valores e regras da empresa. Infelizmente, o condutor do veículo em questão, não é motorista/funcionário, sendo pessoa totalmente desconhecida da empresa. Ainda estamos apurando os fatos, para entender se houve um furto do veículo, ou se o motorista responsável pelo mesmo, permitiu que a pessoa o conduzisse sem o conhecimento da empresa”.

Ainda a empresa afirma que “possui hoje um programa efetivo de Política Antidrogas, realizando exames toxicológicos em seus motoristas com frequência e rigidez, não compactuando com qualquer situação como a que se apresentou no dia de hoje”.

Veja Também

Comentários estão fechados.