Notícias de Caçador e Região

Em ocorrência de perturbação, envolvidos investem contra a PM

Em uma ocorrência de perturbação do sossego alheio, na rua Papagaio, Vila Santa Terezinha, a Polícia Militar teve trabalho para conter cerca de 20 pessoas que estavam no local. Até disparos com munição não letal foram efetuados para evitar que as pessoas investissem contra os policiais.

De acordo com informações da Polícia Militar, por volta de 23h45, os policiais foram abordados na Vila Santa Terezinha por moradores que informaram que na rua Papagaio, tinha uma caminhonete vermelha com o som extremamente alto. De longe, os policiais puderam constatar o fato.

Quando os policiais chegaram ao local, questionaram as cerca de 20 pessoas que estavam no local quem era o dono do veículo, onde que se apresentou José Adair de Mello, afirmando ser o proprietário e passou a desrespeitar  as guarnições querendo agredir os militares.

Neste momento, familiares e amigos se exaltaram e investiram contra os policiais. Para acabar com o tumulto, foram efetuados três disparos de arma não letal calibre 12 em José, que não acatou a ordem de parada e investiu contra o policial.

As pessoas que estavam no local começaram a gritar “aqui é vila, aqui é vila”, com intuito de intimidar os militares.

Os policiais do PPT tiveram que fazer uso progressivo de força para que os ânimos fossem acalmados.

Após a situação controlada, o equipamento de som foi apreendido e um boletim de ocorrência foi lavrado um termo circunstanciado por conta da perturbação e também pela investida contra a PM.

Veja Também

Comentários estão fechados.