Notícias de Caçador e Região

Deputada quer a distribuição de absorvente às mulheres carentes

A deputada federal Geovânia de Sá, presidente do PSDB em Santa Catarina, protocolou nesta semana projeto que dispõe sobre a distruibuição pelo SUS, de absorventes higiênicos para mulheres carentes.

A proposta prevê que a direção nacional do Sistema Único de Saúde concederá incentivos financeiros para que sejam dispensados, gratuitamente, absorventes higiênicos, preferencialmente nas unidades básicas de saúde, a mulheres inscritas no Cadastro Único, nos termos de regulamento.

“No entanto, não será exigida a comprovação da inscrição no Cadastro Único para as mulheres em situação de rua”, complementa Geovania, informando que caberá às equipes multiprofissionais o atendimento a tal população.

Na justificativa da proposta, a deputada lembra nem todas as mulheres conseguem adquirir os itens básicos de higiene sem prejudicar as outras necessidades de sobrevivência. “Não exageramos quando dizemos que, para um percentual elevado da população, comprar absorventes pode significar abrir mão de alimentar a sua família”, lamenta.

E essa situação, de acordo com a deputada, faz com que muitas mulheres recorram a métodos inseguros, como trapos, papel higiênico, folha de jornal e sacolas plásticas. “O que afeta a confiança feminina, as expõem não somente a infecções, mas a um quadro de ansiedade constante, por medo da exposição”, exemplifica.

A pobreza menstrual é um grave problema de saúde pública, que deve ser encarado como qualquer outro. “Da mesma forma que distribuímos preservativos para a prevenção de infecções sexualmente transmissíveis, devemos distribuir absorventes higiênicos a quem não tem condições de adquiri-los”, finaliza a autora do projeto.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.