Notícias de Caçador e Região

Corpo de morador de rua está no IML de Caçador há quase 30 dias e pode ser sepultado como indigente

O corpo de um morador de rua, que morreu no hospital Santo Antônio, em Lebon Régis, está no IML de Caçador há quase 30 dias e até o momento nenhum familiar entrou em contato para fazer a retirada.

Segundo informações, o homem identificado como Gimir Rogério, conhecido como Paulista, vivia pelas ruas de Lebon Régis e morreu de causas naturais.

Caso nenhum parente ou familiar retirar o corpo, ele será sepultado como indigente, como prevê a lei.

 

Veja Também
Comentários
Loading...