Notícias de Caçador e Região

Condenado a mais de 68 anos de prisão é preso pela Polícia Civil, em Caçador

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigações Criminais (DIC) de Caçador prendeu, no fim da tarde desta quarta-feira, 17, um homem condenado a 68 anos, 09 meses e 17 dias de prisão pelo crime de estupro de vulnerável praticado contra as suas duas filhas.

Segundo as investigações, que ficaram sob responsabilidade da delegacia de polícia da comarca de Capinzal, o homem estuprou diuturnamente suas duas filhas entre os anos de 2005 e 2012. Na época a criança mais nova foi estuprada dos 05 aos 12 anos, e a mais velha, dos 09 aos 12 anos.

Ao final das investigações o homem foi indiciado pela Polícia Civil e o Ministério Público ofereceu denúncia requerendo sua condenação. Após o devido processo legal, o autor foi condenado pelo Poder Judiciário à pena acima citada e, em 13 de julho de 2022 foi expedido o mandado de prisão contra ele.

O condenado estava desde então foragido. Na tarde desta quarta, após troca de informações entre a delegacia de polícia de Capinzal e a DIC de Caçador, o homem foi preso em seu local de trabalho por agentes da polícia civil da delegacia especializada.

Conduzido à delegacia para os procedimentos legais, foi posteriormente levado até o Presídio Regional de Caçador.

Veja Também

Comentários estão fechados.