Notícias de Caçador e Região

Cigano atropela Lewis e mantém sonho de retomar cinturão

 

UFC Fight Night 146 não foi um dos melhores eventos do Ultimate em 2019, mas contou com alguns bons momentos para os fãs de luta, especialmente nos duelos finais. Realizado na cidade de Wichita, no Kansas (EUA), o evento foi protagonizado pela vitórias de dois brasileiros, que crescem em suas divisões: o ex-campeão Junior Cigano e Elizeu Capoeira.

Junior Cigano somou sua terceira vitória consecutiva ao derrotar Derrick Lewis por nocaute técnico no segundo round. Enquanto isso, Elizeu Capoeira anotou sua sétima vitória seguida ao atropelar Curtis Millender com um mata-leão.

Outro brasileiro no card, Serginho Moraes não teve a mesma sorte de seus compatriotas. O faixa-preta foi dominado por Anthony Martin no card preliminar e perdeu por unanimidade.

Cigano nocauteia e se reaproxima de cinturão

Assim como a fênix, Junior Cigano ressurgiu das cinzas na categoria dos pesos pesados. O ex-campeão da divisão anotou sua terceira vitória consecutiva ao superar Derrick Lewis por nocaute técnico no segundo round do confronto principal da noite em Wichita, nos EUA.

Cigano se expôs defensivamente no início e acabou sendo atingido por fortes golpes de Lewis, mas aguentou a pressão do norte-americano. Na sequência, o Boxe de Cigano voltou à tona, acertando boas combinações até culminar em um cruzado de direita, que antecedeu uma sequência de golpes no chão para finalizar a luta com a interrupção do árbitro.

Com informações Terra

Veja Também

Comentários estão fechados.