Notícias de Caçador e Região

Caçadorenses disputarão os Jogos Escolares da Juventude

Três atletas de Caçador partem na próxima segunda-feira, 19, para João Pessoa (PB), onde disputam os Jogos Escolares da Juventude – de 12 a 14 anos, a maior competição estudantil do país. Tiago Emídio, do atletismo, Natália Stein e Laura Bertotto, do badminton, integram a delegação de Santa Catarina na competição nacional. Antes da viagem, eles foram recebidos na Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Caçador.

O encontro aconteceu no gabinete do secretário Imar Rocha, que entregou um mimo e desejou boa sorte aos atletas. “O esporte é uma prática importante para saúde e integração social, principalmente em nível escolar. Espero que o Tiago, a Natália e a Laura representem bem Caçador e o Estado de Santa Catarina, mas saibam que só de disputar essa fase vocês já são vencedores”, disse Imar.

dscn9958-1

Também participaram do ato a integradora de esportes da ADR Caçador, Maria Joanete Pavelski, a gerente regional de Educação, Dirley Heller, o técnico de badminton e pai de Natália, Marcos Stein, que viajará com a delegação, a professora de atletismo, Daniele Carlos da Silva, e a mãe de Laura, Marinez Bertotto.

“As competições escolares têm um carinho especial por parte da Fesporte. Além das etapas regonais e estadual, o Governo do Estado apoia a ida da delegação para a fase nacional. Felizmente temos três representantes de Caçador e que eles sirvam de espelho para os demais”, afirma Maria Joanete.

Tiago Emídio, 14 anos, é aluno da escola estadual Wanda Krieger Gomes, e disputará em João Pessoa a prova dos mil metros rasos. Já Natália Stein e Laura Bertotto, ambas de 11 anos, estudam no Colégio de Aplicação da Uniarp. Elas jogarão tanto na categoria individual como em dupla.

“O Tiago venceu a etapa estadual e agora vai para uma competição nacional onde os três primeiros ganham bolsa do Ministério do Esporte e o campeão disputará os jogos sul americanos. Mas o que vale mesmo é esse trabalho do atletismo que revela novos talentos a cada ano”, comenta a professora Daniele.

“A Laura e a Natália têm apenas 11 anos e vão jogar com adversárias mais velhas. Será uma boa experiência para elas. Mesmo com pouca idade, já são referência nessa modalidade relativamente nova em Caçador e que a cada dia ganha mais adeptos”, analisa o professor Marcos.

Jogos Escolares da Juventude

Mais de 3.850 jovens atletas de 12 a 14 anos estão arrumando as malas para a etapa nacional dos Jogos Escolares da Juventude, que acontece de 20 a 29 de setembro, em João Pessoa (PB). Organizado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), o maior evento esportivo estudantil do Brasil terá a disputa de 13 modalidades: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, lutas, natação, tênis de mesa, xadrez, basquete, futsal, handebol e vôlei. O objetivo principal do evento é contribuir para a inclusão social dos jovens através do esporte, além de servir de plataforma para a identificação de atletas para o alto rendimento.

Os Jogos Escolares da Juventude são o maior celeiro de atletas olímpicos do país, revelando, a cada ano, novos talentos para o esporte brasileiro. “Da delegação composta por 465 atletas do Time Brasil nos Jogos Olímpicos Rio 2016, nada menos que 52 já participaram dos Jogos Escolares da Juventude, entre eles Mayra Aguiar, Sarah Menezes, do judô, e Hugo Calderano, do tênis de mesa. Levando-se em consideração apenas as modalidades disputadas nos JEJ’s, esse número representa aproximadamente 23% da delegação verde e amarela que brilhou nos Jogos do Rio”, explicou afirmou Edgar Hubner, diretor geral dos Jogos Escolares da Juventude e gerente geral de Juventude e Infraestrutura do COB.

Os números dos Jogos Escolares são grandiosos. Anualmente, o evento contempla mais de 2 milhões de jovens nas seletivas municipais e estaduais, organizadas pelos estados e municípios, representando 40 mil escolas de quase 4 mil cidades do Brasil.

wpp

Veja Também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.