Notícias de Caçador e Região

Caçador não registra nenhum foco de Aedes Aegypti

Enquanto muitos municípios catarinenses estão preocupados com os focos do mosquito da Dengue, a realidade de Caçador é bem diferente. O resultado e um trabalho de vigilância permanente, fez com que este ano não se registrasse nenhum foco de Aedes Aegypti. O trabalho tanto dos agentes de combate as endemias e também da população está surtindo efeito. No ano de 2016, Caçador foi considerado infestado pelo mosquito da dengue, mas esse status foi revertido.

De acordo com o agente de combate a endemias, André Geovane Domingues, no final do ano passado, foram encontrados dois focos do mosquito, sendo um nas imediações do Cemitério Municipal e outro em uma armadilha. Mas, foram dois casos isolados.

“Os agentes estão fazendo um trabalho de campo e um amplo acompanhamento em vários pontos. Esse é o resultado de um trabalho permanente durante todo o ano e com a participação da população que está cada vez mais atenta quanto aos cuidados para evitar a proliferação de dengue em Caçador. Pedimos para que as pessoas continuem com esse cuidado e atenção, assim como nós, que não podemos parar”, frisou.

Veja Também

Comentários estão fechados.