Notícias de Caçador e Região

Caçador amarga saldo negativo na criação de empregos, em abril

Caçador amargou números negativos na criação de empregos, em abril de 2020. Para se ter uma ideia, foram 418 admissões e 865 demissões, chegando a um saldo de -447 no período. Os dados foram divulgados pelo Cadastro Geral de Empregos (CAGED), do Ministério da Economia.

Estes foram os piores dados para abril nos últimos 10 anos, tendo como motivo a crise causada pela Covid-19. No mesmo período, as exportações do município também caíram mais de 14%. 

No ano, por enquanto, os dados são positivos: foram 3996 admissões e 3673 demissões, com um saldo de 323. Isso porquê, em janeiro, o saldo positivo foi de 445 novas vagas e, em fevereiro, 222. Já em março, iniciaram as quedas, com -4 e, em abril, com -447.

No Brasil

A crise provocada pelo coronavírus já derrubou o PIB do primeiro trimestre (-1,5%) e fez com que fossem fechadas mais de 860 mil vagas de emprego em abril: o pior resultado para um mês em toda a história.

Veja Também

Comentários estão fechados.