Notícias de Caçador e Região

Buscas por bebê desaparecido em Rodeio entram no 5º dia com reforço em equipe

Continuam neste domingo (22) as buscas pelo corpo de uma bebê de um ano e meio desaparecida após um deslizamento na comunidade Diamantina Pico, em Rodeio, no Vale do Itajaí. O fato aconteceu na madrugada de quarta-feira (18) e duas pessoas morreram no local.

Conforme os Bombeiros, três equipes compostas por bombeiros militares, voluntários e comunitários atuam no local. Os socorristas integram a Força-Tarefa do 13º BBM (Batalhão de Bombeiros Militar) de Balneário Camboriú e os Bombeiros Voluntários da União, de Ascurra.

Os trabalhos deste domingo (22) devem se estender até às 19h. No local, estão empenhadas duas mini retroescavadeiras, duas motobombas de água suja, um bote inflável, uma retroescavadeira e duas escavadeiras do tipo PC.

Dois cães de busca também trabalham no resgate, com orientação e tutela de bombeiros militares cinotécnicos, formando duplas chamadas de binômios. Atuam no local o Cabo De Souza e a cadela Zaara, de Brusque, e o Cabo Fumagalli com o cão Hunter, de Curitibanos.

As equipes estão atuando em pontos diferentes, percorrendo as áreas em que estão concentrados os materiais levados pela água que pertenciam à casa onde a família da bebê desaparecida morava.

Uma equipe, juntamente com a retroescavadeira, permanece fazendo buscas no local onde a residência ficava originalmente. Os trabalhos deste domingo (22) tiveram início às 7h e devem se estender até às 19h.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.