Notícias de Caçador e Região

Auxílio Emergencial: trabalhadores reclamam de benefício ainda ’em processamento’

Com o início do pagamento da primeira parcela da nova rodada do Auxílio Emergencial nesta terça-feira (6), muitos beneficiários reclamam que seus cadastros para renovação da ajuda em 2021 estão “em processamento” no app Caixa TEM, da Caixa Econômica Federal.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, eximiu o banco de responsabilidade, e afirmou que todos os nomes enviados pela Dataprev, que faz a gestão dos cadastros de beneficiários do auxílio, receberam o depósito prometido. Segundo a Caixa, são mais de 2,4 milhões de pessoas nascidas em janeiro.
Já o Ministério da Cidadania, procurado pelo G1, afirmou que o status “em processamento” indica que o requerimento “está passando por uma nova avaliação, realizada a partir das informações mais recentes disponíveis nas bases de dados governamentais”.

Com isso, trabalhadores cujo benefício apresente esse status ainda poderão receber os valores, caso venham a ter o requerimento aprovado. As informações sobre o pagamento serão disponibilizadas depois que o Dataprev processar os lotes remanescentes, reprocessar os retidos no primeiro lote e analisar o público do Bolsa Família.

Ainda segundo o Ministério, nos casos em que a aprovação acontecer após a data em que estava programado o pagamento da primeira parcela para aquele beneficiário, o recurso será pago após a conclusão do processo.

Têm direito à nova rodada do Auxílio Emergencial os beneficiários que foram autorizados e receberam a ajuda até o último mês de 2020. Mas também foram inseridos novos filtros para reduzir o alcance do benefício.

Os principais foram a redução para apenas um beneficiário por família (em vez de dois), e critério de renda – até meio salário mínimo per capita ou 3 salários mínimos ao todo no ambiente familiar. É nessa “limpa de cadastros” que ocorrem os novos processamentos.

Com informações G1 

Veja Também

Comentários estão fechados.