Notícias de Caçador e Região

Após morte em confronto, moradores incendeiam ônibus em protesto, no PR

Moradores da Vila Torres, no Prado Velho, incendiaram um ônibus articulado no começo da tarde desta segunda-feira (21). Eles protestam pela morte de um suspeito durante uma ação da equipe da Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone) em apoio a uma operação da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) na região.

Segundo a Rone, o suspeito morreu em confronto. Foram expedidos sete mandados de busca e apreensão e uma operação, contra envolvidos com o tráfico de drogas e também que possam estar ligados a alguns homicídios na região, foi deflagrada.

Durante o cumprimento dos mandados de prisão, os quais a equipe da Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone) davam apoio, houve o confronto no cruzamento das ruas Dorival Almir Zagonel, com Josefina Zanier.

Ônibus incendiado

O ônibus articulado foi incendiado no cruzamento das ruas Manoel Martins de Abreu com Chile. Ainda não há informações precisas, mas o que foi apurado pela reportagem é que um grupo de moradores da vila estava no local protestando contra a morte que ocorreu pela manhã e parou o coletivo e ateou fogo.

O incêndio foi contido pelo Corpo de Bombeiros, mas o ônibus foi completamente destruído. Não há informação de feridos.

A tenente Priscylla, do Corpo de Bombeiros, confirmou que o incêndio foi criminoso. “Segundo populares, foi um incêndio criminoso. A Polícia Militar (PM) está no local dando apoio. Próximo daqui há outra situação e outra equipe está por lá também”.

Este outro incêndio citato pela oficial dos bombeiros seria na Rua Josefina Zanier, de alguns pneus que foram queimados por moradores, também em protesto.

Com informações Banda B 

Veja Também

Comentários estão fechados.