Notícias de Caçador e Região

Apoiadores e políticos se concentram para ato com a presença de Lula em Florianópolis

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) participa na manhã deste domingo (8) de um ato político na praça Tancredo Neves, no Centro de Florianópolis. O candidato à presidência é aguardado por políticos locais, apoiadores e militantes no único evento público que vai participar em Santa Catarina para as Eleições 2022. Lula deve subir no palanque para discursar às 10h.

O candidato a vice-presidente da chapa, Geraldo Alckmin (PSB), deve participar do evento. As caravanas vindas de outros municípios serão alocadas no aterro da Baía Sul, ao lado da praça onde ocorre o ato.

Em um primeiro momento, o evento ocorreria no Largo da Alfândega, também no Centro, mas na quinta-feira (15) lideranças do PT informaram a mudança para um local maior, por isso a escolha pela praça Tancredo Neves.

Alterações no trânsito e esquema de segurança

Desde às 6h deste domingo (8), duas ruas do Centro de Florianópolis foram fechadas no entorno da praça Tancredo Neves. As ruas Doutor Álvaro Milen da Silveira e José da Costa Moellman, no trecho entre a rua Silva Jardim e a Av. Hercílio Luz, foram interditadas. O fluxo deve normalizar a partir do meio-dia.

Lideranças da PMSC (Polícia Militar de Santa Catarina), PF (Polícia Federal), Polícia Civil, Exército, GMF (Guarda Municipal de Florianópolis), Corpo de Bombeiros e da Abin (Agência Brasileira de Inteligência), além da segurança do partido, se reuniram para definir os detalhes de monitoramento do espaço e da garantia de segurança de Lula e dos apoiadores.

De acordo o subcomandante geral da PMSC, coronel Evandro Fraga, uma sala de monitoramento das câmeras de segurança foi montada no 4º Batalhão da PM, também no Centro.

Pelo menos 25 policiais de outros municípios serão integrados na ação, atuando desde o deslocamento do aeroporto até o fim do evento. Equipes do Bope (Batalhão de Operações Aéreas), Choque, Cavalaria e Canil farão parte do esquema de segurança.

“Nós temos outra preocupação que é com possibilidades de grupos ou partidos de oposição se aproximarem do local do evento. Orientamos para que isso seja evitado. A Polícia Militar estará pronta junto com as outras instituições voltadas à segurança desse evento para garantir a preservação da ordem e a proteção da vida”, finalizou o subcomandante da PMSC.

Com informações ND+

Veja Também

Comentários estão fechados.