Notícias de Caçador e Região

Adolescente tenta impedir, mas pai assassina mãe na sala de casa em SC 

Mais uma mulher foi assassinada de forma brutal em Joinville, no Norte de Santa Catarina. Na madrugada desta quinta-feira (12), uma mulher de 37 anos foi morta pelo ex-companheiro com pelo menos 10 facadas, na zona Oeste da cidade. A filha, de 16 anos, presenciou o crime e tentou impedir o pai, mas não conseguiu e viu a mãe morrer na sala de casa, no bairro Vila Nova.

A menina estava dormindo, por volta das 3h, quando escutou os gritos da mãe. Ao chegar na sala viu o pai em cima da mãe e sem saber o que estava acontecendo, puxou o pai. Os três caíram e o homem, de 47 anos, voltou a esfaquear a mulher. Os dois haviam se separado há uma semana, mas continuavam morando na mesma casa.

A adolescente continuou tentando tirar o pai de cima da mãe, ele a encarou e fugiu com o carro da família. A filha acionou a Polícia Militar, contou que pediu à mãe para que ela ficasse acordada, mas a mulher não resistiu e morreu ainda no local. Ela teria sido atingida por, pelo menos, 10 facadas e tinha diversas marcas no braço, o que indica a tentativa de defesa.

O carro da família foi encontrado, abandonado, às margens da BR-101, no Km 37. Pouco antes, o homem teria se atirado na frente de outro veículo e foi ao Hospital Municipal São José. Com ferimentos leves, foi atendido e liberado. A Polícia Militar já havia sido acionada, prendeu o homem e o encaminhou para o flagrante na Central de Plantão Policial.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.