Acusado de vender itens com apologia ao nazismo vira réu em SC

Notícia Hoje

Notícia Hoje

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

O homem acusado de comercializar objetos com apologia ao nazismo em uma loja em Nova Trento, na Grande Florianópolis, virou réu. O processo é resultado de uma investigação sobre a venda de uma suástica e de um busto do ditador Adolf Hitler.

O homem responde pelo artigo 20, parágrafo 1º, da lei número 7.716/1989. O item diz que é crime “fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo”.

O acusado foi denunciado pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC). O Poder Judiciário aceitou a denúncia na sexta-feira, dia 18.

A apuração do caso começou em agosto, com a Polícia Civil. A denúncia foi feita por um turista que esteve no estabelecimento no início daquele mês.

Com informações do g1

 

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp