Notícias de Caçador e Região

Acusado de matar ex-companheira, em Videira, tem prisão preventiva decretada

A Justiça decretou a prisão preventiva do homem apontado como autor do feminicídio contra a ex-companheira Camila Corrêa, de 26 anos, na segunda-feira, dia 29, em Videira. O ex-companheiro tem 36 anos e foi preso ainda no dia do crime.

A jovem morreu após ser esfaqueada nas costas. Ela era mãe de dois filhos, de 2 e 7 anos de idade. Segundo a polícia, Camila estava separada do autor há cinco meses e a motivação do crime seria o fato de ele não aceitar o fim do relacionamento.

O homem foi contido pela Polícia Militar (PM) após tentar tirar a própria vida. Ele foi encaminhado ao hospital com um ferimento cortante no pescoço, de onde saiu para a delegacia e depois para o presídio.

O velório de Camila Corrêa ocorreu na Capela Mortuária de Água Doce, município de onde ela era natural. O sepultamento foi na manhã de terça-feira, no Cemitério São Francisco de Assis.

Foi o segundo caso de feminicídio em menos de um mês no município de Videira. Ainda no dia 9 de agosto, uma mulher de 40 anos foi morta pelo companheiro. O corpo da vítima foi encontrado pelo próprio filho, com vários ferimentos e coberto de sangue.

Com informações Oeste Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.